Portal Fronteira Livre

Sexta, 01 de julho de 2022
MENU

Entretenimento

“Marighella” é o filme com mais indicações no 21º Grande Prêmio do Cinema Brasileiro

Filme dirigido por Wagner Moura recebeu 17 indicações.

113
Publicidade
Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

A Academia Brasileira de Cinema e Artes Audiovisuais já divulgou a lista com os finalistas do 21º Grande Prêmio do Cinema Brasileiro. Marighella, filme dirigido por Wagner Moura, é o longa com maior número de indicações, 17, entre elas Melhor Longa, Melhor Primeira Direção de Longa-Metragem, Melhor Atriz para Adriana Esteves e Melhor Ator para Bruno Gagliasso e Seu Jorge, que interpreta o personagem-título. Em segundo lugar, está O Silêncio da Chuva, de Daniel Filho, que foi indicado em 11 categorias, entre elas Melhor Direção.

A edição deste ano marca a volta ao formato presencial, que nos dois últimos anos foi realizada virtualmente por conta da pandemia de coronavírus, e o retorno ao Rio de Janeiro, depois de três anos acontecendo em São Paulo. A cerimônia será realizada na Cidade das Artes, no dia 10 de agosto, com transmissão ao vivo na TV pelo Canal Brasil, e também pelo YouTube e pelo Instagram da Academia. A festa tem direção do artista visual Batman Zavareze e roteiro de Bebeto Abrantes.

Os finalistas do GP do Cinema Brasileiro concorrem em 31 categorias e foram escolhidos em votação pelos sócios da Academia. “Essa edição será mais representativa, pois vai marcar o reencontro presencial de todo o setor para celebrar o nosso audiovisual”, diz Jorge Peregrino, presidente da Academia Brasileira de Cinema e Artes Audiovisuais.

A lista de finalistas de 2022 reúne mais de 200 profissionais indicados, 17 longas-metragens brasileiros e 10 longas estrangeiros. Ao todo, este ano também estão na disputa 15 curtas brasileiros e 18 séries.

O Grande Prêmio do Cinema Brasileiro é votado por profissionais das mais diversas áreas do setor que são associados à Academia, entidade aberta a toda a classe. E, como acontece todos os anos, a abertura dos envelopes com os vencedores será auditada pela PwC (a mesma que faz a apuração do Oscar).

Em 2022, foram inscritos mais de mil profissionais nas diferentes categorias, 53 longas de ficção (incluindo infantis e animação), 33 longas documentários, 61 curtas-metragens, 40 séries brasileiras, 35 longas-metragens internacionais, 11 longas ibero-americanos. Os vencedores serão escolhidos no segundo turno, que começa no dia 20 de junho, com votação entre os sócios da Academia.

Também será realizada uma votação do público em uma data que será divulgada em breve e que vai escolher o filme favorito entre os longas brasileiros finalistas de ficção (drama e comédia) e documentário.

Créditos (Imagem de capa): Reprodução

Comentários:

Publicidade
Publicidade

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!