Portal Fronteira Livre

Segunda, 06 de dezembro de 2021
MENU

Política

Leitura do relatório final da CPI da Covid é adiada

De acordo com Calheiros (D), a decisão do adiamento foi do presidente da CPI, Omar Aziz

110
Publicidade
Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

O senador Renan Calheiros (MDB-AL), relator da CPI da Covid, informou neste domingo (17) que a leitura do relatório final da comissão, que estava marcada para esta terça-feira (19), foi adiada.

Segundo ele, ainda não há uma nova data definida. De acordo com o relator, a decisão de adiamento foi do presidente da CPI, Omar Aziz (PSD-AM). A assessoria de Aziz também confirmou o adiamento.

“A decisão não foi minha, foi do presidente, senador Omar. E eu concordo. Teremos mais tempo para discutir melhor o parecer e encaminhar melhores soluções. Acho que isso ajudará bastante no debate, dará mais tempo”, afirmou Calheiros.

O relator informou ainda que apresentará a versão do relatório ao chamado G7 da CPI – grupo majoritário da comissão – antes de submeter o documento ao plenário. A reunião deve ocorrer na noite desta segunda-feira (18).

O relatório final da CPI da Covid deve pedir o indiciamento do presidente Jair Bolsonaro por 11 crimes na condução da pandemia de coronavírus. Também devem ser responsabilizados filhos do presidente, ministros e ex-ministros, funcionários e ex-funcionários do governo, deputados e médicos. No total, o documento deve propor que mais de 60 pessoas sejam indiciadas.

Os senadores da CPI interrogaram 59 pessoas na condição de convidadas, testemunhas ou investigadas. Em seis meses de trabalho, assessores do Senado, policiais federais, auditores da Receita Federal e do Tribunal de Contas da União ajudaram a analisar dados fiscais, bancários e telefônicos, mensagens apreendidas em celulares, e-mails, telegramas diplomáticos, contratos e outros milhares de documentos de domínio público e sigilosos.

Créditos (Imagem de capa): Jefferson Rudy/Agência Senado

Comentários:

Publicidade
Publicidade

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!