Portal Fronteira Livre

Sexta, 01 de julho de 2022
MENU

Economia

Auxílio Brasil: Fila explode e quase 3 milhões de famílias aguardam receber benefício

O mapeamento da Confederação Nacional de Municípios (CNM) mostra que 2,78 milhões de famílias estão na fila

100
Publicidade
Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

O mais recente mapeamento da Confederação Nacional de Municípios (CNM) aponta que todos os municípios do Brasil somam uma demanda reprimida de 2,78 milhões famílias à espera do acesso ao Auxílio Brasil. Em abril, 5,3 milhões de brasileiros com perfil para receber o benefício estavam na fila.

O mapeamento da CNM foi antecipado ao jornal O Estado de S. Paulo dez dias depois da publicação do 2.º Inquérito Nacional sobre Insegurança Alimentar no Contexto da Pandemia de Covid-19.

Agora, no Brasil, 33,1 milhões de pessoas não tem o que comer, ou seja, 14 milhões de brasileiros a mais do que em 2021.

Por causa da ausência de dados do Ministério da Cidadania, que gere o Auxílio Brasil, a confederação fez seu próprio acompanhamento da situação nos 5.570 municípios do país.

Segundo os dados da CNM, houve um aumento de mais de 1,480 milhão de famílias à espera do benefício entre março e abril.

Isso mostra que o número de famílias na fila dobrou em um mês, indo de 1,307 milhão de famílias para 2,788 milhões de famílias, ou seja, um aumento de 116%.

Em 2021, dados coletados pela CNM apontavam que mais de 25 milhões de famílias estava registradas no Cadastro Único. Em 2022, o número já passa dos 33 milhões de famílias, que é pouco mais de 38% da população brasileira, com um total de 215 milhões de habitantes em 2021.

Créditos (Imagem de capa): Reprodução

Comentários:

Publicidade
Publicidade

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!