Sexta, 21 de Junho de 2024
(45) 99849-1698
Política POLÍTICA EXTERNA

Lula se reúne com primeiro-ministro da Noruega em Nova York

Presidente brasileiro falou sobre investimentos em energias renováveis e a retomada das verbas norueguesas para o Fundo Amazônia

24/09/2023 07h55 Atualizada há 1 mês
Por: Assessoria
Lula e Jonas Gahr Støre conversaram sobre financiamento ambiental e investimentos em fontes de energia renováveis. Foto: Ricardo Stuckert / PR
Lula e Jonas Gahr Støre conversaram sobre financiamento ambiental e investimentos em fontes de energia renováveis. Foto: Ricardo Stuckert / PR

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva teve uma reunião bilateral com o primeiro-ministro da Noruega, Jonas Gahr Støre, na tarde desta terça-feira, 19/9, em Nova York (EUA), à margem da 78ª Assembleia Geral das Nações Unidas. O principal evento anual da ONU começou pela manhã, com um discurso do presidente do Brasil.

Durante a conversa, Lula e Jonas Gahr Støre conversaram sobre financiamento ambiental e investimentos em fontes de energia renováveis. A Noruega é um dos principais investidores estrangeiros do Fundo Amazônia, juntamente com a Alemanha, e voltou a liberar verbas para projetos na região no início deste ano.

A reunião também abordou questões comerciais, uma vez que o Brasil é o principal parceiro comercial da Noruega fora da Europa. O país europeu tem investimentos nas indústrias de petróleo e gás e mineração, especialmente alumínio, em território brasileiro.

O premiê norueguês também comentou sobre a importância da Presidência brasileira no G20. Essa foi a primeira reunião presencial dos dois líderes em 2023. Em julho deste ano, eles conversaram por telefone sobre parcerias e sustentabilidade. Na ocasião, o premiê norueguês manifestou interesse pela Cúpula da Amazônia, organizada pelo governo brasileiro em agosto com representantes de todos os países que abrigam a floresta amazônica.

Leia mais: Vista-se para o sucesso: um guia completo de estilo masculino

Relações bilaterais - Nos últimos anos, os contatos entre governos, empresas e indivíduos de ambos os países têm se intensificado. Brasil e Noruega mantêm parcerias nas áreas de energia, ciência, tecnologia, educação e meio ambiente.

Uma série de acordos em vigor estabelece iniciativas bilaterais em temas como pesquisa e desenvolvimento no setor de petróleo e gás; aquicultura e recursos pesqueiros; cooperação econômica; tributação; cooperação entre administrações aduaneiras e mobilidade acadêmica.

Em 2022, o volume comercial entre os dois países foi de US$ 2,35 bilhões, com o Brasil tendo exportado US$ 1,35 bilhão, especialmente alumínio e soja, e importado US$ 1 bilhão, principalmente adubos e fertilizantes.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias